SLIDE

22.6.12

Síndrome do século XXI

Olá pessoal!
Hoje vou falar de um assunto que atormenta muitas pessoas, a obesidade. Mesmo com quase metade da população obesa, a preocupação com o corpo perfeito ainda é essencial nos tempos modernos, a correria do dia-a-dia faz com que as pessoas mudem seus hábitos alimentares. 


Na chapa quente, muita carne gorda, bacon, batata, ovos e duas salsichas. Para aliviar a culpa, uma folhinha de alface e três rodelas de tomate, mas nada adianta. Segundo uma pesquisa realizada pelo IBGE, cerca de 63 milhões de pessoas no país está com sobrepeso, outros 15 milhões com obesidade leve e quase quatro milhões com obesidade mórbida, cujo Índice de Massa Corporal é maior do que 40.  Estima-se que em 2015 aproximadamente 2,3 bilhões de adultos estarão com sobrepeso e mais de 700 milhões, obesos. O que há alguns anos era apenas considerado como uma doença comum em países mais desenvolvidos, hoje tornou-se uma das mais graves síndromes que a humanidade vai enfrentar no século XXI.



Vivemos na era dos fest food, ingerimos todos os tipos de refrigerantes, hot dogs, sanduíches e doces. A única forma que muitas pessoas encontram para fugir das estatísticas, muitas vezes, são as famosas dietas da moda e o que não falta no mercado, são elas. Perca  cinco  quilos em uma semana comendo chocolate, emagreça sete quilos com a  dieta da linhaça e se você tomar sopa por uma semana vai emagrecer dez quilos.


Como ter um emagrecimento saudável? Por que nem todos nascem com um corpo perfeito? Será que algum dia haverá uma dieta em que se pode comer o que quiser e não engordar? São essas incertezas que  fazem com que as pessoas façam uso de tantas fórmulas mágicas para o emagrecimento em busca do tão sonhado corpo perfeito.
O resultado dessas dietas nem sempre é satisfatório ou positivo. A longo prazo, você consegue perder peso, mas em pouco tempo engorda novamente. Este transtorno alimentar, infelizmente atinge muitas pessoas, em especial as mulheres. Somente quem passa, ou já passou por tudo isso, sabe como é difícil lidar com esta situação.
As dietas ajudam a eliminar o consumo de alguns alimentos e aumentar a ingestão de outros, mas para emagrecer com saúde, é necessário esforço e muita força de vontade, porque afinal de contas, a perfeição, não existe. 

2 comentários:

  1. oláá...nossa nem fale...to de dieta desde janeiro, já foram 13kg, ainda faltam 19kg...é mto dificil!!

    beijão

    ResponderExcluir
  2. :D
    Já estou no caminho, já estou malhando e deixando de comer porcarias!

    ResponderExcluir